6 – CoCo Bongo (DIA 5)

Tínhamos programado no dia anterior que este seria um dia para descansar e aproveitar o hotel, pois à noite iríamos para a CoCo Bongo e queríamos estar bem dispostos, já que não temos mais tanta energia assim.

Aproveitamos para acordar mais cedo e tomar um café da manhã com calma (nos outros dias foi bem corrido, por causa dos passeios). Depois disso a programação incluía piscina e praia, maaaas o dia estava horrível. Muita chuvamuito vento, não dava nem pra ficar do lado de fora do hotel. Na televisão só passava sobre a previsão do tempo e qual seria o caminho da tempestade. Será que teria furacão?

O hotel ficou lotado e os funcionários começaram a criar atividades para distrair os hóspedes. Nós passamos boa parte do dia conversando e bebendo. Aproveitamos também para negociar os passeios no hall do hotel. Nós estávamos preocupados com a previsão do tempo nos próximos dias, mas o pessoal que nos vendeu os passeios (Best Day) nos garantiu que no dia seguinte o tempo iria melhorar. Nós tínhamos nossas dúvidas, mas eles estavam certos. Não sei se isso vale para todas as agências, mas, caso o tempo não melhorasse, eles disseram que poderíamos trocar o dia do passeio ou pegar o dinheiro de volta.

Acho que muita gente deve ter aproveitado este dia para fazer compras em algum shopping, mas como íamos para o Panamá e nossos amigos iam para Orlando, não tínhamos planos de fazer compras em Cancun.

COMPRANDO OS INGRESSOS

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

CoCo Bongo. Imagens: Tijolos & Tecidos.

Nós queríamos ir na CoCo Bongo numa data específica, que era numa 5ª feira, pois nosso amigos estavam de aniversário naquele dia e queríamos ir no camarote. Fomos comprar os ingressos na 3ª feira à noite na própria CoCo Bongo e já não tinha mais vagas para o camarote. 5ª, 6ª e sábado, além de serem os dias mais cheios, são os dias mais caros. Em minha opinião, quem é turista e vai lá para curtir o show, é melhor ir num dia mais vazio (e mais barato).

Acabamos comprando uma opção intermediária entre o camarote e a pista, mas saiu somente um pouco mais barato que o camarote. O que nós compramos foi o direito de usar uma mesa e para isso, além do ingresso normal da pista, tínhamos que comprar uma garrafa de bebida (tequila Don Julio). No final custou 131 dólares/pessoa e no camarote teria custado 150 dólares.

Como o palco da CoCo Bongo é elevado, quem está no camarote fica no mesmo nível que o show ocorre. Quem está na pista fica na parte mais baixa. O nosso local era um meio termo entro os dois, então no fim eu achei que valeu a pena, pois não era tão apertado, não tinha que levantar muito a cabeça e porque foi mais barato que o camarote.

Ah, nós compramos o ingresso na CoCo Bongo mesmo, mas vi pra vender em tudo o que é lugar. Não pesquisamos, então não sei dizer se os preços são diferentes ou não.

Enquanto negociávamos os ingressos, eles nos ofereceram umas cervejas. Antes de ir embora, queríamos pegar mais umas, mas eles falaram que não podiam, pois é proibido beber na rua… sorte que eles nos avisaram, pois não sabíamos disso.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

O Máscara pedindo propinas para quem queria bater fotos com eles. Imagens: Tijolos & Tecidos.

COCO BONGO

Chegamos na CoCo Bongo mais ou menos 1 hora antes do show começar (a recomendação era chegar cedo) e a fila andou bem rapidinho (a nossa fila era a mesma fila do camarote e diferente da fila da pista). Um funcionário nos acomodou na mesa e trouxe nossa tequila e complementos (sal, limão e copinhos).

Além da garrafa de tequila que tínhamos comprado, podíamos beber todas as outras bebidas do bar (acho que quem está no camarote tem mais opções). Nossa mesa era perto do bar, então eu sempre descia para pegar, nem pensei em pedir para o garçom, mas acho que se pedisse eles iriam gostar de uma propina. Tinha um certo empurra-empurra para chegar no bar, mas nada insuportável.

Falar que a CoCo Bongo é uma balada é pouco. A CoCo Bongo é um show! Na verdade são vários shows, uma mistura de Broadway com Cirque du Soleil. As músicas são muito divertidas, desde os clássicos, até as músicas da modinha.

TeT_coco_bongo_cancun_3_show

Palco da CoCo Bongo… quase não batemos fotos lá dentro e as poucas que temos ficaram bem ruinzinhas. Imagem: Tijolos & Tecidos.

A noite passou rápido. Os shows acabaram pouco depois das 3 da manhã e logo depois fomos embora (a pé, já que o hotel era bem pertinho), mas acho que a balada deve continuar por mais um tempinho depois, porque muita gente continuou lá.

MUY RICO

Durante a noite aconteceu um episódio engraçado com meu amigo: Tem umas mulheres que passam oferecendo tequila. Quando uma ofereceu, ele aceitou, aí ela mostrou a plaquinha de que o shot de tequila custava U$ 5,00 e ele não quis mais. Pra que pagar se as outras bebidas já estão inclusas, né? Ela insistiu falando: “Muy rico”. E ele, como não entende nada de espanhol, falou: “Não sou rico, sou brasileiro”… pra quem não sabe, muy rico significa muito gostoso em espanhol.

Vale muito a pena ir, mesmo se você não é uma pessoa de balada!!

Anúncios

Uma resposta em “6 – CoCo Bongo (DIA 5)

Obrigada por comentar!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s