Obra – Semana 40 – Contrapiso, Pingadeiras e Pedras da Fachada

Esta semana o contrapiso começou a ser feito, chegaram as pingadeiras de parte da casa e também as pedras da fachada. Vejam só:

TeT_1_contrapiso_obra

Todo o contrapiso do andar superior já está pronto.

Estamos comprando argamassa direto, até então comprávamos sempre uma carga de 5 m³, mas com a chuva que te dado esta semana tivemos que comprar somente 3 m³ para o caminhão poder subir porque está muito escorregadio.

TeT_2_pingadeira_granito_andorinha_obra

As pingadeiras das partes mais altas em granito andorinha já chegaram.

TeT_3_pedra_caxambu_branca_fachada_mosaico

Pedras que são usadas para revestir a caixa d’água, arcos e pilares da fachada. O nome da pedra é caxambu branca e compramos ela em três tamanhos diferentes (15 x 15, 15 x 7,5 e 75 x 7,5) para ser instalado em formato de mosaico.

Depois vou falar com mais detalhes sobre as pingadeiras e sobre o revestimento da fachada.

O mais legal desta semana foi a reunião com o arquiteto onde conversamos sobre o paisagismo da frente da casa. Nossa preocupação é que a casa ficou muito alta e queríamos ver como isto seria resolvido. Gostamos muito desta proposta:

TeT_4_projeto_paisagismo TeT_5_projeto_paisagismo

Por hoje é só, pessoal!

Déb

***

Semana 40: 13 a 19 de julho de 2015

Anúncios

Bancadas Brancas na Cozinha – Quais pedras/materiais usar?

A origem deste post foi a dúvida de um leitor. Fiz um post de inspiração de cozinhas com bancadas brancas e a dúvida do Gustavo foi:

Olá, quais são as opções para pedra branca na pia e bancada?”.

Pesquisei um pouco para responder para ele. Uma coisa é certa: a variedade de pedras que podem ser usados nas bancadas de cozinha é enorme, tanto de pedras naturais, quanto de pedras industrializadas, além de outros materiais. Vamos ver?

SILESTONE – Superfície de Quartzo

Como eu falei neste post, o Silestone é o nome de uma marca de uma rocha industrializada formada principalmente de quartzo. Acho liiiindo, mas também muito caro.

Gosto muito do Silestone ser produzido em chapas grandes, evitando emendas na bancada. Pelo fato de ser industrializado, ele é um material bem homogêneo, o que eu considero uma qualidade. Além do preço elevado, outra desvantagem é que ele não é muito resistente a altas temperaturas.

TeT_bancada_branca_cozinha_1_silestone

Adoro armários brancos na cozinha (nestes aqui a frente é em vidro branco) com moldura de madeira clarinha. A bancada é em Silestone polar cap. Projeto da decoradora Eliane Furlanetto. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_2_silestone

Na cozinha quase toda branca o destaque fica com as pastilhas de vidro vermelhas. Os armários são em MDF revestido com laminado melamínico e puxadores de alumínio escovado e a bancada é em Silestone. Projeto da arquiteta Deborah Vasallo. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_3_silestone

Cozinha com bancada em Silestone Branco Zeus. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_4_silestone

Cozinha descontraída (muita cor e muita estampa) com bancada branca em Silestone. Projeto do arquiteto André Largura e da designer de interiores Giovana Kimak. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_5_silestone

Ah, e o Silestone também pode ser usado nas pias. Este aqui é o Silestone Branco Zeus. Imagem.

Alguém tem Silestone instalado em casa? Já teve algum problema de manchas ou devido a temperaturas altas? Tenho medo de investir num material caro e sem querer apoiar uma panela quente e estragá-lo.

GRANITO – Rocha Natural

Bem, sobre o granito eu também já falei um pouco aqui neste post. É a pedra mais em conta para ser usada na bancada da cozinha. Comparativamente ao Silestone e ao Corian, é um material mais poroso, portanto mais suscetível a manchas.

Quanto a esta questão de mancha, tem muito a ver com a cor. Eu tenho granito preto na minha cozinha (há mais de 6 anos) e ele está perfeito, mesmo já tendo caído todo tipo de comida nele. Já o do banheiro (não sei o nome, mas é um bege) tem uma manchinha de ferrugem e uma de óleo. 😦

Bem, já que estamos falando de bancadas brancas, uma desvantagem é que não existem granitos realmente brancos. Os granitos que são chamados de brancos puxam o cinza ou para o bege. O que vemos são granitos clarinhos, como o Itaúnas, Siena, Cristal, Marfim, Dallas, Fortaleza, Aqualux, Desireé…

TeT_bancada_branca_cozinha_6_granito

A Jéssica do blog Vivendo em 42 m² escolheu o granito branco Itaúnas.

TeT_bancada_branca_cozinha_7_granito

A Fabi do blog Dicas do Novo Apê também escolheu o granito branco Itaúnas, mas ela teve problemas com manchas, que vocês podem ver aqui.

TeT_bancada_branca_cozinha_8_granito

Bancada da cozinha em granito branco Siena. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_9_granito

Bancada da cozinha em granito branco Dallas. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_10_granito

Bancada da cozinha em granito branco Desireé. Imagem.

MARMOGLASS – Superfície Cristalizada de Vidro

O Marmoglass é um material industrializado produzido com cristais de vidro e pó de mármores e tem várias vantagens: é resistente, não risca com facilidade, sua cor é uniforme e a absorção de líquidos é praticamente nula.

Apesar de todas estas vantagens, li a seguinte recomendação de uma marmoraria que me deixou preocupada: “Não é muito indicado para confecção de bancadas por conta da dificuldade que as marmorarias em geral têm, em fazer cortes e acabamentos perfeito em suas bordas e junções de saias e guarnições”. Por outro lado, vários outros sites não fazem esta restrição.

TeT_bancada_branca_cozinha_11_marmoglass

Bancada da cozinha em Marmoglass branco. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_12_marmoglass

Bancada da cozinha em Marmoglass branco. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_13_marmoglass

Bancada da cozinha em Marmoglass branco. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_14_marmoglass

Bancada da cozinha em Marmoglass branco. Imagem.

Alguém tem alguma experiência de bancada de Marmoglass instalada para contar como foi? Porque olhando as fotos achei o resultado lindo!

NANOGLASS – Superfície Cristalizada de Vidro (com nanotecnologia)

O Nanoglass é uma evolução do Marmoglass, ou seja, é um Marmoglass onde foi utilizado nanotecnologia.

E se você está procurando uma pedra realmente branca, encontrou! O Nanoglass é produzido somente na cor branca: o branco perfeito!

TeT_bancada_branca_cozinha_15_nanoglass

Bancada em Nanoglass. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_16_nanoglass

Bancada da cozinha em Nanoglass. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_17_nanoglass

Bancada da cozinha em Nanoglass. Imagem.

CORIAN – Superfície Acrílica

O Corian é um material sintético (± 1/3 de resina acrílica e ± 2/3 de minerais naturais) bem resistente a manchas (não é poroso) e arranhões. Como ele é um material moldado, se torna muito versátil, pois você pode fazer no formato que quiser (as emendas não aparecem) e com os detalhes que quiser (frisos, etc.) Aqui vou mostrar bancadas com Corian na cor branca, mas a gama de cores é enorme. E as desvantagens? A baixa resistência ao calor (resiste ao calor de até 150 graus, acima disso é indicado utilizar apoio para panelas) e o preço alto.

TeT_bancada_branca_cozinha_18_corian

A bancada branca foi toda moldada em Corian. Devido a sua pouca resistência ao calor, a bancada recebeu suportes para as panelas do lado do cooktop. Imagem.

Sub_Estudio

Adoro esta cozinha cheia de contrastes de cor e de estilo. A bancada é de Corian branco (da DuPont) e o tampo da mesa, que se prolonga da bancada, também é. A cuba também é de Corian, moldada na própria bancada. O projeto foi realizado pela equipe de arquitetas Isabel Nassif, Julia Masagão, Renata Pedrosa e Marina Portolano.

TeT_bancada_branca_cozinha_20_corian

Bancada (com duas alturas) em Corian branco e cuba em aço inox. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_21_corian

Já neste projeto a cuba foi moldada em Corian junto à bancada. Imagem.

CAESARSTONE – Superfície de Quartzo

Caesarstone também é uma rocha industrializada feita principalmente de quartzo. Assim como o Silestone, Caesarstone é o nome de uma marca.

TeT_bancada_branca_cozinha_22_caesarstone

A arquiteta e urbanista Isabel Cristina Maus optou por uma bancada branca em Caesarstone. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_23_caesarstone

Neste projeto da arquiteta Thaisa Camargo um balcão fixo de madeira fica apoiado na bancada branca de Caesarstone. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_24_caesarstone

Bancada branca em Caesarstone. Imagem.

TeT_bancada_branca_cozinha_25_caesarstone

Bancada em grossa em Caesarstone. Imagem.

TECHNISTONE – Superfície de Quartzo

Então, como eu falei antes Silestone e Caesarestone são nome de marcas de superfícies de quartzo. Estas, pelo menos para mim, são as marcas mais conhecidas, mas também existem outras marcas, como a Technistone, por exemplo.

TeT_bancada_branca_cozinha_26_technistone

Bancada em Technistone. Imagem.

QUARTZ STONE – QUARTZO CHINÊS – Superfície de Quartzo

O Quartz Stone, também conhecido como Quartzo Chinês, promete ser uma superfície de quartzo mais em conta e se for mesmo é um bom candidato para ser usado lá em casa!

TeT_bancada_branca_cozinha_27_quartzstone_quartzochines

A Bruna do blog Comprando Meu Apê optou pelo Quartzo Chinês branquinho.

TeT_bancada_branca_cozinha_28_quartzstone_quartzochines

Ilha em Quartzo Stone White na Casa 4×30, projeto dos escritórios CR2arquitetura e FGMF Arquitetos.

TeT_bancada_branca_cozinha_29_quartzstone_quartzochines

Cozinha cheia de contrastes de cores e de texturas: parede com blocos de concreto aparente e piso de cimento queimado e bancada de alvenaria com azulejos coloridos e com tampo e laterais de Quartzo Stone. Imagem.

Puxa, a variedade é grande mesmo, né? O que vai definir a escolha são as vantagens e desvantagens de cada material.

Ah, é sempre bom lembrar que o Mármore e o Limestone, por serem muito porosos, não são recomendados pra serem usados na cozinha.

Beijos,

Déb

Piscinas com Revestimento Verde (continuação)

Continuando o post anterior um pouco atrasadinho… hoje tem mais algumas fotinhos de piscinas com revestimento verde. Vem ver!

TeT_piscina_revestimento_verde_14_pastilha_de_vidro

A piscina com borda infinita foi revestida com pastilhas de vidro verde (Colormix, da linha Cores Lisas C15) e o deque é em cumaru. Projeto do arquiteto André Luque.

TeT_piscina_revestimento_verde_15_pastilha_de_vidro

Como uma parte da piscina fica pra fora do terreno, achei que neste caso ficou muuuito verde com esta pastilha.

TeT_piscina_revestimento_verde_16

Casa projetada por Bernardes + Jacobsen Arquitetura e que eu já mostrei aqui.

TeT_piscina_revestimento_verde_17_pastilha

No projeto de Nelson Teixera Netto a piscina foi  revestida com pastilha verde escuro  da Jatoba (JD 4710 Verde Istambul). A ideia foi assemelhar as cores da piscina com as cores da Lagoa da Conceição (Florianópolis/SC). O deque aparenta ser de madeira, mas na verdade é de concreto (Madeyra Vecchia Amendoa, da Castelatto). Madeira é lindo, mas não é durável exposta ao tempo, então adorei a ideia deste material.

TeT_piscina_revestimento_verde_18_pastilha_de_vidro

Piscina revestida de pastilhas de vidro verde-escuro e deque com tábuas de cumaru. Projeto do arquiteto Fernando Viegas. Imagem.

TeT_piscina_revestimento_verde_19

Piscina com revestimento em pedra natural verde (PE601). Imagem.

TeT_piscina_revestimento_verde_20

A piscina em borda infinita foi revestida por pastilhas de cerâmica esmaltadas na cor verde, para que dê o aspecto de continuidade com o lago mais a frente.

TeT_piscina_revestimento_verde_21

O verde da piscina se mistura ao verde da vegetação neste projeto assinado por Jacobsen Arquitetura.

TeT_piscina_revestimento_verde_22_pastilha

Projeto maravilhoso do arquiteto e paisagista Alex Hanazaki.

TeT_piscina_revestimento_verde_23_pastilha

A piscina e o spa foram revestidos de pastilha verde da Atlas.

TeT_piscina_revestimento_verde_24_pastilha

Esta piscina, revestida de pastilhas da Vidrotil, parece uma lagoa. Imagem.

TeT_piscina_revestimento_verde_25_pastilha

Olhem um detalhe da piscina se misturando com a natureza. Projeto do paisagista Rodrigo Oliveira.

Legal é que tem várias opções de revestimento verde. Nestes projetos apareceram piscinas revestidas com pastilhas, mosaico e pedras naturais (green stone e hijau). Me identifiquei mais com as pedras naturais. E vocês?

Piscinas com Revestimento Verde

Oi pessoal, tudo bem com vocês?

Hoje fiz uma seleção de piscinas com revestimento verde. Acho liiindas estas piscinas, pois elas lembram um ambiente mais natural, como se fosse um lago mesmo.

TeT_piscina_revestimento_verde_1_mosaico_de_vidro

Esta piscina foi revestida em mosaico de vidro verde-escuro, da Vidrotil, com deque de ipê. Imagem. O interessante é que a borda da piscina quase nem aparece, fazendo com que o verde da piscina se una ao verde do jardim.

TeT_piscina_revestimento_verde_2_mosaico

Neste projeto do arquiteto Celso Fernando Laetano com paisagismo de Gil Fialho a piscina foi revestida em mosaico da Vidrotil e o deque é em madeira cumarú. A piscina de borda infinita parece se confundir com o jardim.

TeT_piscina_revestimento_verde_3

Piscina verde quadrada no meio de muito verde.

TeT_piscina_revestimento_verde_4_pastilha

A piscina, revestida com pastilhas de vidro verde, tem borda de mármore branco extra jateado. O deque é de madeira pau d’arco. Imagem.

TeT_piscina_revestimento_verde_5_pastilha_de_vidro

A piscina foi revestida de pastilhas de vidro em três tons de verde da Porto Design. Imagem.

TeT_piscina_revestimento_verde_6_greenstone

O interessante desta piscina é que, como ela é elevada (a minha também vai ser J), sua parte externa recebeu como revestimento a pedra green stone. A pedra é lisa na parte interna e bruta na face externa. Amei este projeto de Gui Mattos. Imagem.

TeT_piscina_revestimento_verde_7_greenstone

Mais uma piscina revestida com a pedra green stone, mas aqui ela aparece um pouco mais azulada do que a da foto anterior. As vezes a foto pode enganar, né? O ideal é ver a pedra ao vivo mesmo. Projeto do arquiteto Antonio Roberto Comin. Imagem.

TeT_piscina_revestimento_verde_8_pedra_hijau

Neste projeto do arquiteto Arthur Casas o revestimento usado para a piscina foi a pedra hijau. Gostei muito!!

TeT_piscina_revestimento_verde_9_pedra_hijau

De outro ângulo para poder ver a pedra com mais detalhe. Imagem.

TeT_piscina_revestimento_verde_10_pastilha_de_vidro

No projeto de paisagismo, executado pela Flora Decari, a piscina recebeu revestimento em pastilhas de vidro verde garrafa, da Vidrotil. Quando é tããão verde assim eu não gosto tanto. Imagem.

TeT_piscina_revestimento_verde_11_pastilha

Neste projeto de Marcio Kogan a piscina de raia com spa recebeu revestimento em pastilhas na cor verde-turquesa e o deque foi feito em madeira de lei.

TeT_piscina_revestimento_verde_12_pastilha

Mais um projeto de Marcio Kogan: piscina coberta e aquecida com revestimento em pastilhas em tons de verde, só que é um verde mais clarinho.

TeT_piscina_revestimento_verde_13

E mais um projeto de Marcio Kogan com revestimento verde na piscina.

Gostaram? Amanhã tem mais algumas fotos da seleção que eu fiz.

Beijos